Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

locucao-dica
No comando: DISQUE SUCESSO

Das 08:00 as 11:00

locucao-dica
No comando: BALANÇO GERAL

Das 11:30 as 12:00

locucao-dica
No comando: ESTAÇÃO BRASIL

Das 12:00 as 13:00

locucao-dica
No comando: SOLTA O SOM

Das 13:00 as 16:00

locucao-dica
No comando: Forró da Hora

Das 16:00 as 18:00

Cantor e compositor Raimundo Fagner recebe título de Cidadão Baiano

Compartilhe:
fagner1

O cantor e compositor Raimundo Fagner recebeu o título de Cidadão Baiano, em cerimônia realizada na tarde desta quinta-feira (30), na Assembleia Legislativa, localizada no Centro Administrativo da Bahia (CAB).

A formalidade e os debates políticos comuns no Plenário da Assembleia Legislativa deram espaço para momento de descontração, poesia e muita emoção. O cantor, compositor e intérprete Raimundo Fagner recebeu o Título de Cidadão Baiano concedido pela Casa Legislativa, na tarde de ontem (30). O proponente da homenagem, o deputado Sandro Régis (DEM), se mostrou um grande admirador pela personalidade do artista e pela sua arte.
“Hoje, foi uma sessão diferenciada na Assembleia. Com grande interação entre os servidores, a Casa ganhou um show”, declarou Sandro Régis, dizendo que “Borbulhas de Amor” é a sua composição preferida do artista. O deputado democrata disse que o grande incentivador para a homenagem acontecer foi o advogado Ademir Ismerim.
fagner bahia

Com muita música, a Sessão presidida pelo deputado Ângelo Coronel (PSD) comoveu os servidores da Casa e o os fãs presentes na homenagem. O presidente da ALBA, um grande entusiasta da cultura, declarou ser um grande fã do músico cearense. Para Ângelo Coronel, é um grande prazer homenagear um artista da envergadura de Raimundo Fagner, com enorme relevância para a Música Popular Brasileira.
“Em algum momento das nossas vidas, nos encantamos com as músicas de Fagner. Como radialista, sempre fiz questão de tocar as músicas do cantor para embalar grandes histórias de amor”, disse Carlos Geilson (PSDB), coautor da homenagem.

Fagner falou ainda sobre a emoção de ser homenageado “Ontem, quando esse avião pousou aqui, eu comecei a sentir um tremor pelo corpo, que estou sentindo até agora. Eu só senti isso nas perdas, e hoje eu estou sentindo em um grande ganho, que é ser filho da Bahia”, disse o artista.

PROJETOS

O primeiro-secretário da Casa, deputado Sandro Régis, declarou que o cantor desenvolve trabalhos sociais por meio da Fundação Fagner com o objetivo de oferecer oportunidade para crianças e adolescentes que buscam o aprendizado da arte. A Fundação trouxe para Feira de Santana o projeto “Canteiros Musicais” incentivando o aprendizado musical para crianças de 6 a 16 anos.

“A homenagem a Fagner não é só pela sua brilhante carreira, mas também por sua integração com a Bahia, através de alguns expoentes culturais, bem como sua admiração pelas coisas da Bahia e a admiração dos baianos por sua pessoa, por seu trabalho social, e por sua arte”, finalizou Sandro Régis.

GRANDE SHOW

A trajetória do cantor cearense Raimundo Fagner começou cedo, aos 06 anos. Filho de libanês, o homenageado tem uma trajetória artística emaranhada com a Bahia. O novo cidadão baiano disse que a sua primeira guitarra foi confeccionada por um baiano, seu Antônio. O homenageado declarou sua grande admiração pelos cantores baianos Caetano Veloso, Gilberto Gil, Gal Costa, Maria Bethânia. “Caetano sempre foi um espelho para mim. No início da carreira imitava muito ele”.

Fagner declarou admiração por José Carlos Capinam “um grande parceiro musical” e pelo tropicalista Piti. “Meus shows em Salvador sempre foram cercados por muita emoção”, disse.

E, para não decepcionar os fãs, Fagner não decepcionou. Cantou os maiores sucessos de sua carreira “Canteiros”, “Deslizes” “Borbulhas de Amor”, “Oração de São Francisco”, “Retrovisor” e levou o Plenário ao êxtase.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook

Tags

Últimas do blog

Últimas noticias